Motoboys pedem justiça durante funeral de colega

0
146

Centenas de motoboys e entregadores de aplicativo participaram na manhã desta terça-feira (30) do cortejo do corpo de Kelvin Tavares da Cruz, de 29 anos, morto no domingo (28), após sua moto ser atingida por um motorista embriagado.

O velório de Kelvin aconteceu na manhã desta terça, na Funerária Dom Bosco, na Avenida General Valle, em Cuiabá.

Em seguida, centenas de colegas de Kelvin se reuniram no cortejo do jovem, que saiu da funerária e seguiu pela Avenida Fernando Corrêa. O sepultamento foi realizado no Cemitério Parque Bom Jesus de Cuiabá.

Vídeos mostram a carreata dos entregadores de delivery e motoboys seguindo familiares de Kelvin e pedindo justiça.

Na tarde de segunda-feira (29), eles também realizaram um protesto na Avenida Fernando Corrêa.

 

Os trabalhadores se juntaram no local e bloquearam duas faixas da avenida, sendo uma no sentido Centro, com pneus queimados, e a outra no sentido Coxipó, onde os motoboys se aglomeraram.

 

O caso

Kelvin foi morto por um motorista embriagado, que dirigia um Volkswagen Golf, enquanto estava estacionado no acostamento da Avenida Espigão, no Bairro Tijucal.

Ele teve uma fratura exposta e outras lesões, chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital Municipal, mas morreu quase duas horas depois.

Por ANGÉLICA CALLEJAS / Midia News