Saae orienta moradores sobre cuidados durante as obras de rede de esgoto

0
112
Foto: Por Ascom Prefeitura / Anderson Lippi

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Lucas do Rio Verde, orienta os moradores dos bairros Bandeirantes e Parque das Emas, para que seja evitado a lavagem das calçadas e pavimento, assim como o esvaziamento de piscinas durante a execução das obras, pois o excesso de água atrapalha os trabalhos de recomposição. Também é preciso que os veículos não sejam estacionados nas vias, já que a área deve estar livre para a implantação da rede.

Para o coordenador da Divisão de Esgoto da autarquia, Luiz Antônio de Oliveira, é necessário que os luverdenses cooperem com as ações exigidas pelo Saae. “A equipe operacional está trabalhando de uma maneira que não cause transtorno aos moradores, por isso a necessidade da compreensão, já que as manutenções são temporárias, para se obter resultados permanentes”, declara.

Durante a obra de implantação da rede de esgoto na região, é preciso interditar algumas vias públicas. Esses bloqueios acontecem por questão de segurança e exigências operacionais.

As obras que tem integração com a Secretaria de Infraestrutura e Obras tiveram início no mês de abril e fazem parte do projeto de universalização para toda a cidade. “O nosso objetivo é levar cada vez mais melhorias à população, assim, contribuindo com a qualidade de vida de todos”, afirma o diretor da autarquia, Mauricio Fossati.

Ao todo, serão 23 km de rede a ser implantada, sendo 12 km de responsabilidade do Município e Saae, e outros 11 km, de responsabilidade das empresas terceirizadas. Isso vai significar um aumento de 12% de esgoto ativo em todo o município, que atualmente conta com 41% da área atendida.