Lateral do Cuiabá pega 1 ano e 9 meses de “gancho” por esquema de aposta

0
111
Mateusinho, lateral do Cuiabá — Foto: AssCom Dourado

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol (STJD) condenou o lateral Mateusinho, do Cuiabá EC, a suspensão das atividades por 720 dias.

O motivo: participação em um esquema de manipulação de resultados.

No total, o jogador vai ficar 1 ano e 9 meses afastados dos campos.

A decisão ocorreu em sessão da última terça-feira (6).

O atleta ainda foi condenado a pagar uma multa de R$ 70 mil.

Mateusinho foi denunciado pela Procuradoria da Justiça Desportiva, após ser alvo da Operação Penalidade Máxima, deflagrada no dia 14 de fevereiro pelo MP de Goiás.

O atleta é acusado de cometer um pênalti no jogo entre o Sampaio Corrêa e Londrina, na Série B de 2022, para beneficiar apostadores.

À época, ele defendida o clube de São Luís (MA).

Durante o julgamento, Mateusinho negou ter recebido dinheiro para cometer o pênalti.

Mateusinho tem 24 anos e foi contratado pelo Dourado no início desta temporada após se destacar no ex-clube.

O esquema

A investigação apontou que o grupo convencia atletas a manipular resultados nas partidas por meio de ações, como fazer pênalti no primeiro tempo dos jogos, entre outras táticas. Em troca, os jogadores receberiam parte dos prêmios de apostas feitas. A estimativa é que cada envolvido tenha recebido R$ 150 mil por aposta.

Com inf. Diário de Cuiabá