Anvisa terá órgão técnico específico para tratar do registro de novos medicamentos no Brasil

0
96
Foto: Pixabay

Agência Nacional de Vigilância Sanitária terá um órgão específico para cuidar do registro de remédios.

A Câmara Técnica ficará responsável pela emissão de recomendações sobre medicamentos e produtos biológicos.

De acordo com a Anvisa, a Cateme deverá servir como fonte de orientação técnica e de evidências científicas para auxiliar nos processos de registro e de pesquisas clínicas.

A agência revelou que a câmara técnica vai criar grupos de trabalho para promover debates sobre temas específicos ligados a medicamentos. O novo órgão será formado por dez integrantes que terão mandato de três anos.

Os participantes serão divididos entre representantes de consumidores e especialistas de universidades, institutos de pesquisa e hospitais públicos e privados.

Hoje, antes de pedir um registro junto à Anvisa, a empresa deve realizar testes em laboratório para identificar os mecanismos de ação da substância, a segurança e as doses mais seguras.

Em seguida, tem início os estudos clínicos para avaliar o funcionamento e a segurança do remédio em humanos. Só então o fabricante pode entrar com um pedido de registro.