“Democracia e Cultura” são temas da 3ª Conferência Municipal e 1ª Intermunicipal de Cultura

0
55
Foto: Ascom Prefeitura/Janderson Kavano

A Secretaria de Cultura e Turismo de Lucas do Rio Verde realizou, nesta quarta-feira (30), 3ª Conferência Municipal e 1ª Intermunicipal de Cultura. O evento aconteceu no auditório dos Pioneiros, no Paço Municipal, e contou com a participação de artistas, artesãos, produtores culturais, vereadores, professores, servidores, sociedade civil e representantes dos municípios de Nova Mutum, Tapurah e Santa Rita do Trivelato.

Na abertura do encontro, o secretário de Governo, Alan Togni, destacou a importância do diálogo cultural no município. “Para nós é um orgulho poder realizar essa conferência. Lucas do Rio Verde nesse momento passa pelo bom debate para que a gente possa realizar cada vez mais políticas públicas voltadas à cultura, com grandes resultados para sociedade, transformando isso em lucro social e qualidade de vida. Faz parte do nosso slogan de cidade de oportunidades ter uma cultura ativa”.

A conferência, que teve como tema “Democracia e Cultura”, contou também com a presença da coordenadora do Escritório Estadual do Ministério da Cultura em Mato Grosso (Minc), Lígia da Silva Viana, que apresentou ao público o novo organograma dos escritórios estaduais. “O momento das conferências é muito importante pata o diálogo com a sociedade civil, com os gestores da cultura, e o Ministério entende que é necessário atualizar o nosso plano de trabalho, colhendo todas as propostas importantes para cultura ter um plano forte, empoderada, viva e presente. Parabenizo pelo trabalho realizado na cultura de Lucas do Rio Verde e me coloco à disposição para a construção de uma cultura forte no Mato Grosso”.

O evento contou com a palestra magna sobre “O Papel da Cultura no Desenvolvimento Econômico do Município”, ministrada pelo secretário de Desenvolvimento Econômico, Planejamento e Cidade, Welligton Souto, com a mesa redonda sobre “O Papel dos Conselhos como Órgão Deliberativo e Fiscalizador”, além da leitura e discussão dos eixos culturais.

(Foto: Ascom Prefeitura/Janderson Kavano)

“O incentivo à cultura criativa é muito importante. Existem fundos para as escolas de música e isso agrega para o crescimento das pessoas e do nosso município. A música ela tem esse poder transformador, na vida das pessoas. Ela acalma, ela acalenta, e nós somos agentes dessa transformação. Tudo que aprendi aqui a gente aplicarei em na sala de aula, na nossa vida, na vida dos alunos e da sociedade”, contou o professor de música do município de Tapurah, Joel Aquino.

Na ocasião, foram escolhidos os delegados que representarão os municípios na 5ª Conferência Estadual de Cultura, que ocorre nos dias 24, 25 e 26 de outubro de 2023, no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá.

“Hoje nós fazemos parte da região dez de gestão cultural do estado do Mato Grosso. Dessa região, sete municípios são pertencentes e hoje, quatro deles estão aqui representados, participando dessa conferência intermunicipal. É o primeiro momento que essa região se organiza realizando uma conferência intermunicipal e para nós é um momento de muita riqueza, de muito conhecimento, onde a gente põe na mesa uma discussão séria sobre o Plano Nacional de Cultura, com o objetivo de sair daqui boas propostas que impactarão o movimento cultural do Mato Grosso em todo o país”, ressaltou a secretária de Cultura e Turismo, Luciana Bauer.