Hoje é Dia: Semana da Pessoa com Deficiência e Folclore são destaques

0
349
© Bianca Paiva/Repórter da EBC

O Hoje é Dia abre a semana com um destaque todo especial dedicado à Semana da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla que vai de 21 a 27 de agosto. A lei nº 13.583/17 instituiu a semana com o objetivo de desenvolver ações para conscientizar toda a sociedade sobre as necessidades específicas desse público e combater o preconceito e a discriminação.

De acordo com o Ministério da Saúde pessoas com deficiência intelectual ou cognitiva tendem a ter dificuldades desde resolver problemas a realizar atividades cotidianas. Já as pessoas com deficiência múltipla são afetadas em duas ou mais áreas, como as que possuem deficiência mental e física, por exemplo. Em 2021, o programa Alô Fronteira, da Rádio Nacional do Alto Solimões conversou com o psicólogo Ozéias Souza de Oliveira que falou sobre o trabalho do Centro Integrado de Educação Especial e Inclusiva, em Tabatinga – AM. Acompanhe a entrevista:

Em 2020, na pandemia, a TV Brasil falou sobre a importância da semana de conscientização:

Folclore

Outro destaque da semana é o Dia Nacional do Folclore. A origem da palavra vem da junção dos termos, em inglês, folk (povo) e lore (conhecimento) e abrange as mais diversas formas de manifestações culturais de um povo tais como: lendas, canções, danças, artesanato, festas e dialetos. A palavra folk-lore foi publicada, pela primeira vez, em artigo do arqueólogo inglês William John Thoms, no dia 22 de agosto de 1846. Para homenagear o estudioso e o uso pioneiro do termo, o dia 22 de agosto passou a ser considerado o Dia do Folclore.

No Brasil, foi apenas em 1965 que uma lei foi sancionada oficializando a data como Dia Nacional do Folclore. Por aqui, temos diversas manifestações culturais que fazem parte do universo folclórico brasileiro. Nos personagens temos o Saci Pererê, o Curupira, a Sereia Iara, o Boto. Já nas festas, temos o nosso mundialmente conhecido Carnaval, as Cavalhadas e as Festas Juninas. Estes são apenas alguns exemplos do extenso universo de elementos culturais do Brasil. Em 2019, a Radioagência Nacional trouxe outros detalhes sobre o Folclore Brasileiro, no História Hoje. Confira:

No mesmo ano, o programa Nacional Jovem, da Rádio Nacional da Amazônia, homenageou a data e trouxe contos e lendas da Região Norte. E, na TV Brasil, o programa Sem Censura trouxe um mestre da região dos Tapajós, norte do Pará com muito carimbó e ritmos brasileiros.

Fundação Palmares

Em 2023, no dia 22 de agosto, se comemoram os 35 anos de criação da Fundação, primeira instituição pública voltada para a promoção e preservação da arte e da cultura afro-brasileira. Em abril, a TV Brasil mostrou o retorno da antiga logomarca da instituição, o Machado de Xangô. Na ocasião, estavam presentes o presidente João Jorge, que tomou posse em abril, e a Ministra da Cultura, Margareth Menezes.

Dia do Soldado

O dia 25 de agosto, quando se comemora o Dia do Soldado, é também o dia do nascimento do Marechal Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias, patrono do Exército Brasileiro que se tornou conhecido como o “pacificador” depois de sufocar diversas rebeliões contra o Império.

Em 2017 o quadro História Hoje homenageou três soldados da Força Expedicionária Brasileira.

Dori Caymmi

Filho de Dorival Caymmi e irmão da cantora Nana Caymmi e do flautista, cantor e compositor Danilo Caymmi, Dori como é chamado, completa 80 anos no dia 26 de agosto. Além de cantor, o músico participou da produção, arranjos e composição de muitos sucessos da música popular brasileira. Teve dois de seus cd´s nomeados para o Grammy, além de ter conquistado dois Grammies latinos, de melhor cd de samba “Para Caymmi 90 Anos” e de melhor canção brasileira “Saudade de Amar”, em parceria com Paulo César Pinheiro. Um de seus importantes trabalhos foi a direção musical do seriado “Sítio do Pica-Pau Amarelo” onde contribuiu com arranjos e composições.

Em 2014, quando o pai completaria 100 anos, Dori Caymmi falou sobre ele no programa Caminhos da Reportagem, da TV Brasil. Assista:

Em 2018, o programa Armazém Cultural, da Rádio MEC entrevistou Dori Caymmi para falar sobre o então recém lançado CD “Edu, Dori e Marcos” que celebrou a amizade de mais de 50 anos de Edu Lobo, Dori e Marcos Valle. Clique e ouça a entrevista no player:

Confira a lista semanal do Hoje é Dia com datas, fatos históricos e feriados:

20 a 26 de agosto de 2023
20

Morte do compositor e cantor maranhense Cristóvão Alô Brasil (25 anos) – figura importante de grupos tradicionais como o bloco Fuzileiros da Fuzarca, a Turma do Quinto e o Jazz Iraquitã

Nascimento do compositor e cantador do bumba meu boi de São José Ribamar, João Costa Reis, o João Chiador (85 anos)

Nascimento do músico, cantor, e compositor britânico Robert Plant (75 anos) – vocalista da banda de rock Led Zeppelin

Estreia da ópera “Maria Golovin”, de Gian Carlo Menotti – primeira apresentação no International Exposition Pavilion Theatre na Expo ’58 em Bruxelas (65 anos)

Maria Quitéria é condecorada com a Ordem do Cruzeiro pelo Imperador D. Pedro I por sua participação da Guerra da Independência (200 anos)

21

Morte da militar baiana Maria Quitéria de Jesus Medeiros (170 anos) – heroína da Guerra da Independência. Foi a primeira mulher a ser reconhecida por assentar praça numa unidade militar das Forças Armadas Brasileiras e a primeira mulher a entrar em combate pelo Brasil, em 1823

Início da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla

22

Nascimento do compositor e instrumentista mineiro Francisco Mário de Souza, mais conhecido como Chico Mário (75 anos) – irmão do cartunista Henfil e do sociólogo Betinho

Morte do poeta, cronista e engenheiro civil paulista Alexandre Ribeiro Marcondes Machado, o Juó Bananére (90 anos)

Nascimento do fotógrafo francês Henri Cartier-Bresson (115 anos)

Criação da Fundação Cultural Palmares (35 anos) – primeira instituição pública voltada para promoção e preservação da arte e da cultura afro-brasileira

Dia Nacional do Folclore

23

Morte do poeta e escritor paulista Menotti del Picchia (35 anos)

Morte do cantor fluminense Vicente Celestino (55 anos)

Dia Internacional de combate à injustiça

Dia Internacional para Relembrar o Tráfico de Escravos e sua Abolição – comemoração instituída pela UNESCO na Resolução No 29 C/40 de 1998, para marcar a data do “Acontecimento do Bosque Caiman”, início da revolta dos escravos haitianos na ilha de Santo Domingos em 1791, importante evento em prol da abolição do comércio transatlântico de escravos

24

Morte do ator e encenador fluminense João Caetano (160 anos) – importante personagem da profissionalização do teatro no Brasil

25

Nascimento do militar e político fluminense Luiz Alves de Lima, o Duque de Caxias (220 anos) – patrono do Exército Brasileiro

Inauguração da rodovia Rio – Petrópolis, pelo então presidente da República Washington Luís (95 anos)

Dia do Soldado – a data homenageia o dia do nascimento de Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias, patrono do Exército Brasileiro que se tornou conhecido como “o pacificador” após sufocar muitas rebeliões contra o Império

26

Nascimento do cantor e compositor maranhense Santa Cruz (65 anos) – reconhecido nome do reggae maranhense

Nascimento do químico francês Antoine Laurent de Lavoisier (280 anos) – considerado o pai da química moderna

Morte do jogador e treinador de futebol fluminense Moisés Matias de Andrade (15 anos)

Nascimento do cantor e compositor fluminense Dori Caymmi (80 anos)

Nascimento da socióloga, professora e escritora paulista Maria Isaura Pereira de Queiroz (105 anos) – foi premiada com o Prémio Jabuti 1967

Edição: Beatriz Arcoverde

Fonte: Aline Cordeiro – Repórter da Radioagência Nacional – Brasília
Crédito de imagem: © Bianca Paiva/Repórter da EBC