Grêmio : Renato diz que ‘até Stevie Wonder viu o pênalti’

0
84

Oempate entre Corinthians e Grêmio só não teve mais gols do que reclamações na noite desta segunda-feira. Os oito gols da partida disputada na Neo Química Arena, em São Paulo, quase foram ofuscados pelas críticas sobre a arbitragem, vindo de ambos os lados. O mais contundente foi Renato Gaúcho, que citou até o cantor Stevie Wonder para ironizar as decisões da equipe de árbitros.

“O Brasil todo viu essa vergonha de hoje. Queria perguntar ao árbitro de vídeo o que ele aprendeu sobre as regras. Só ele viu que não foi pênalti. Até o Stevie Wonder ‘viu’ que foi pênalti. Para quem não conhece o Stevie Wonder, ele é cego, viu? Até ele poderia dar esse pênalti”, disse o treinador gremista, em entrevista coletiva.

O treinador se refere a um dos lances mais polêmicos do jogo. Aos 47 minutos do segundo tempo, Ferreira levantou na área e a bola foi direto na mão de Yuri Alberto, que estava dentro da área. O árbitro Wilton Pereira Sampaio (GO-Fifa) não marcou a penalidade, o que gerou revolta por parte do time gaúcho. A partida estava empatada em 4 a 4.

Insatisfeito, Renato Gaúcho direcionou suas críticas a Emerson de Almeida Ferreira, árbitro de vídeo da partida, e a Wilson Seneme, presidente da Comissão de Arbitragem da CBF.

“Duvido alguém olhar e dizer que não foi pênalti. Eu perguntei para o árbitro e ele falou que o jogador estava com o braço para trás. Não posso culpá-lo, porque tem a ferramenta, tem o VAR. A CBF deveria divulgar o áudio desse lance”, cobrou Renato Gaúcho.

Ao fim da partida, o presidente do clube, Alberto Guerra, avisou que fará nova reclamação formal à CBF por questões de arbitragem. Será a terceira vez que o Grêmio tomará tal decisão neste Brasileirão.

Por Estadão Conteúdo