Noiva bolsonarista se casa com tornozeleira eletrônica

0
143

Um vídeo divulgado no último sábado (02) pela deputada federal Bia Kicis (PL-DF) em suas redes sociais mostrava o registro de um “casamento patriota”, realizado na última semana.

Nas imagens, é possível ver uma noiva entrando em uma igreja utilizando uma tornozeleira eletrônica e um véu com a bandeira do Brasil. 

O casamento foi realizado em Mato Grosso no último dia 25 de agosto e a noiva é a mato-grossense Rosineia da Silva Amaral, uma das 1,4 mil pessoas presas em Brasília após a invasão dos Poderes no dia 8 de janeiro de 2023. Ela foi solta no fim de fevereiro, porém condicionada ao uso de tornozeleira eletrônica e medidas restritivas. 

O  templo religioso em questão é a Paróquia Santa Terezinha, localizada no Bairro Vila Alta, em Tangará da Serra (240 km de Cuiabá). 

A cerimônia foi notada pela parlamentar, que compartilhou o registro com seus seguidores. “Casamento de uma das mulheres presas em Brasília, usando tornozeleira. Como véu, a bandeira do Brasil. Impossível não se emocionar”, disse a deputada na legenda.

Na publicação, a parlamentar bolsonarista não havia informado o local do casamento e também não revelou a identidade dos noivos.

O vídeo chamou a atenção dos internautas e viralizou nas redes sociais. A publicação já conta com mais de 2.600 comentários, 4 mil reposts e virou notícia nos principais portais nacionais.

Além disso, rapidamente começaram a surgir memes entre os internautas, apelidando a mulher de “noiva patriota”.

Não foi divulgado o nome do noivo. 

Veja o vídeo.