Decreto altera nomenclatura das unidades de saúde em Lucas do Rio Verde

0
90
Foto: Ascom Prefeitura/UBS Itambiquara

Seguindo as normas do Ministério da Saúde, os postos de saúde de Lucas do Rio Verde passam a ter uma nova nomenclatura. Com isso, o que antes era chamado de Posto de Saúde da Família (PSF), agora é Unidade Básica de Saúde (UBS), conforme estabelecido no Decreto nº 6.477/2023.

A mudança não altera o sistema de atendimento ao usuário nas unidades.

Anteriormente o PSF era um programa de estratégia de reorganização da Atenção Primária de Saúde, do Governo Federal, que desenhava todo o fluxo de atendimento dentro das unidades e desta forma.

Considerando a necessidade de adequação para fins documentais, agora é Unidade Básica de Saúde (UBS), que não é um programa, mas sim, o local físico que as equipes de estratégias atuam.

Em Lucas do Rio Verde o processo de adequação à nova nomenclatura já começou nas unidades, com a troca das placas, sem alterar a qualidade de atendimento.

As UBSs contam com equipes de Saúde da Família (ESF) compostas por médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, agentes comunitários de saúde e por equipes de saúde bucal, composta por odontólogo e técnico em saúde bucal.

Esses profissionais atuam conjuntamente com o apoio das equipes do Espaço Saúde, que conta com outras especialidades como fonoaudiólogo, psicólogo, terapeuta ocupacional, fisioterapeuta, farmacêutico, nutricionista e assistente social, de acordo com as demandas de saúde deste território.

Por meio desse modelo, a população local conta sempre com uma equipe de referência para cuidar da sua saúde. As equipes estão aptas a atender e acompanhar a saúde dos indivíduos ao longo das diferentes fases da vida.

Importante reforçar que as UBS continuam sendo a porta de entrada do usuário no Sistema Único de Saúde (SUS). É ali onde se inicia o cuidado com a saúde da população. Cada UBS é responsável pela assistência à saúde de uma população definida.

Fluxo de atendimento

Basta comparecer a sua UBS de referência para ser acolhido por um profissional da equipe que vai coletar as informações e avaliar a necessidade de atendimento imediato – casos agudos e de maior gravidade – procedimentos, vacinação, agendamento de serviços ou encaminhamento à unidade de saúde responsável pelo território de residência do usuário.

As ações como consultas, cadastro, visitas domiciliares, acompanhamento de condições como diabetes e hipertensão, acompanhamento do pré-natal são realizadas pela sua equipe de referência.

Se houver necessidade de consultas ou atendimentos com outros profissionais como: cardiologista, oftalmologista, ortopedista, neurologista, psiquiatra, entre outros, estas serão avaliadas pela equipe de saúde da família e encaminhadas e agendadas pelo profissional da UBS. Após a consulta, você deve retornar à sua equipe de referência para continuidade do acompanhamento.