Encontro entre concessionárias discute modernização tecnológica nas rodovias do país

0
100
Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT), revitalizou toda a pavimentação da rodovia, no trecho entre Arenápolis e Denise - Foto por: Mayke Toscano

A Nova Rota do Oeste, Concessionária que administra 850 quilômetros da BR-163/364 em Mato Grosso, promoveu um encontro entre representantes de importantes concessões rodoviárias para discutir novas soluções tecnológicas e melhorias nas rodovias do país. A reunião aconteceu na sede da Nova Rota do Oeste, em Cuiabá, na terça-feira (26) e contou com a participação das concessões Ecovias do Cerrado, Eco050, CCR MSVia e ViaBrasil.

Uma das principais iniciativas discutidas durante o encontro foi o projeto de implementação do sistema High Speed Weigh-In-Motion (HS-WIM), apresentado pelo Diretor Superintendente das concessões Ecovias do Cerrado e Eco050, Matheus Fernandes. O HS-WIM foi desenvolvido para realizar a pesagem de veículos de carga em movimento, sem a necessidade de interromper a viagem do transportador. O sistema visa contribuir com a regulamentação e agilidade no transporte de carga e substitui o modelo tradicional de Postos de Pesagem Veiculares (PPVs).

Atualmente, a Nova Rota do Oeste possui um PPV fixo localizado no km 108 da BR-163, em Rondonópolis-MT, e estuda em conjunto com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) a viabilidade para implantação do sistema de pesagem HS-WIM ainda este ano.

O Diretor de Operações da Nova Rota do Oeste, Wilson Ferreira, reforçou o compromisso da Concessionária na implementação de tecnologias para melhorar a experiencia do usuário e promover a eficiência logística nas rodovias pelo país. Ferreira também destacou a relevância da troca de conhecimento entre as concessões, buscando discutir os desafios e resultados do setor.

Além das concessionárias, também estiveram presentes na reunião o Chefe do Escritório Regional da ANTT, Haroldo Maia Junior, responsável pela fiscalização dos contratos de concessões federais, além da Secretaria de Estado de Fazenda de Mato Grosso (SEFAZ-MT) e a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (SINFRA-MT), que também estudam a implantação do novo sistema de pesagem nas rodovias estaduais.

Fonte: Assessoria