El Niño deve acabar antes do previsto, de acordo com Organização Meteorológica Mundial

0
141

Organização Meteorológica Mundial anuncia que o El Niño pode estar próximo de acabar.

De acordo com o órgão da ONU, no período de 2023 a 2024, o fenômeno, que provoca o aumento das temperaturas no mundo, começa a dar sinais de enfraquecimento. Previsões atualizadas da Organização informam que ainda este ano pode haver um retorno das condições características do La Niña.

Esse fenômeno é contrário ao El Niño porque há o resfriamento das águas superficiais do oceano Pacífico.

O La Niña forma o que os especialistas chamam de piscina de águas frias.

De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, o fenômeno produz fortes mudanças na dinâmica da atmosfera porque alterna o comportamento do clima.

Possui maior intensidade do final de cada ano e costuma ir embora no meio do ano seguinte.

A Organização Meteorológica Mundial aponta uma probabilidade de 50% de o La Niña surgir entre junho e agosto.

Esse índice sobe para 60% de julho a setembro e 70% de agosto a novembro. Segundo o órgão da ONU, os efeitos variam de acordo com a intensidade, duração e época do ano de acordo com a interação de outras variáveis climáticas.