Escola Municipal de Lucas do Rio Verde recebe prêmio nacional contra desperdício de alimentos

0
118
Foto: Ascom Prefeitura/Andrew Aragão

O projeto “Lugar de comida é no prato, não no lixo. Xô desperdício!” da Escola Municipal Vinícius de Moraes de Lucas do Rio Verde foi selecionado na 6ª edição do Prêmio Nestlé Crianças mais Saudáveis neste mês de agosto!

O empenho de professores e alunos envolvidos neste projeto, que já funciona há um ano, fez com que Lucas do Rio Verde se classificasse entre os 10 municípios do Brasil a receber a premiação.  

O prefeito em exercício Marcio Pandolfi e a secretária de Educação, Elaine Lovatel, recepcionaram a professora responsável Kátia Mundim, a diretora da escola, Simone Santana e os estudantes, nesta quinta-feira (24), para parabenizá-los.

“Detectamos um problema de desperdício na escola e a quantidade de lixo que estávamos produzindo. Então, através desse projeto a gente conseguiu reduzir mais de 30% do lixo, diminuímos o tamanho do balde por meio de conscientização dos alunos. Os professores com certeza são os maiores parceiros que nós temos, as coordenadoras, a gestão da escola, a Secretaria de Educação, todo mundo é parceiro, mas lá no chão da escola são os professores, que faz com que esse projeto aconteça”, comemorou a professora Katia Mundim.

“É um projeto que vem educando nossos alunos na questão da redução do desperdício. Então a gente já faz um trabalho muito forte com a merenda escolar deixando mais saudável e agora a gente está aproveitando ainda mais, servindo o que vai ser consumido. Além do lixo, o que sobra também está sendo reaproveitado através de compostagem que vai pra nossa horta, que volta a produzir verduras e tudo mais. É um ciclo muito bacana de ver e o resultado extraído disso através do prêmio de reconhecimento nacional”, observa o prefeito em exercício, Marcio Pandolfi.

A aluna do 4° ano, Rebeca Santos da Silva, explicou que aprendeu muito sobre o aproveitamento dos alimentos. “Nós cuidamos do lanche para que os estudantes joguem menos comida. O que aprendo eu levo para a minha casa. Nossa família, hoje, também tem esse cuidado com os alimentos”, explicou.

Prêmio Crianças Mais Saudáveis

As 10 escolas selecionadas receberam R$38 mil em benfeitorias e mentorias (on-line) para a implantação dos projetos, além de kits para os 2 educadores. Criado em 2018, a Fundação Nestlé Brasil já premiou 50 projetos em escolas públicas de diversos municípios com o objetivo de incentivar hábitos saudáveis em crianças das escolas públicas brasileiras.