MT divulga turismo, potência econômica e diversidade cultural na maior feira multisetorial da América do Sul

0
81

Mato Grosso é um dos estados que representam o Brasil na maior feira multisetorial da América do Sul, a Expocruz, que começou na sexta-feira (22.09), na cidade de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. No evento, o estande mato-grossense apresenta aos visitantes as potencialidades econômicas e turísticas, no Pavilhão Brasil, até o dia 1º de outubro.

A representatividade brasileira de Mato Grosso na 47 ª edição da Expocruz é promovida pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico (Sedec). O estande mato-grossense está localizado no maior espaço da feira que conta com a participação de 20 países e 2 mil expositores.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econõmico do Estado, César Miranda, essa é a 7ª participação do estado em uma das feiras mais importantes da América do Sul e que o objetivo é divulgar a pujança econômica, a diversidade cultural e o turismo mato-grossenses, fortalecendo relações comerciais e atraindo futuros investidores e novos turistas.

“A expectativa da Expocruz é receber esse ano mais de 500 mil visitantes, Mato Grosso é o segundo estado da federação (Rondônia) representando o país no evento, é uma grande oportunidade de fortalecer relações comerciais com outros países, expor nossos produtos e serviços, fechar negócios, divulgar as nossas belezas naturais e destinos turísticos para esse grande público”, afirmou o secretário.

O público pode conhecer um pouco mais sobre o Pantanal, Chapada dos Guimarães, Araguaia, turismo de aventura, pesca e gastronomia regional.

Cinco empresas e indústrias de Mato Grosso estão presentes no evento, com o objetivo de incrementar suas exportações, apresentar novos produtos e serviços, além de conhecer potenciais clientes, expandindo relações comerciais e realizando pesquisa de mercado in loco.

A Expocruz é uma feira internacional que acontece há mais de 72 anos.

Em 2022, o evento contou com a participação de 21 países e 2.011 expositores; sendo 1066 nacionais e 945 internacionais. Cerca de 70 mil empregos diretos e indiretos foram gerados no evento que recebeu 445.673 mil visitantes, com movimento econômico de aproximadamente 191,3 milhões de dólares.

 

Fonte: Greyce Lima Sedec-MT