Palmeiras perde do Grêmio e desperdiça chance de diminuir vantagem do líder Botafogo

0
84
foto: assessoria

Nesta quinta-feira (21), o Palmeiras foi até a Arena do Grêmio, em Porto Alegre, e saiu derrotado pelo placar de 1 a 0. João Pedro, ex-atleta do Verdão, marcou o único gol da partida válida pela 24ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o time de Abel Ferreira estacionou nos 44 pontos e desperdiçou a chance de cortar, ainda mais, a vantagem do líder Botafogo na tabela de classificação. O Tricolor gaúcho, por sua vez, colou na própria equipe palestrina e chegou aos 43 pontos.

Na próxima rodada, o Alviverde vai até o Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, para encarar o RB Bragantino. A partida será realizada às 18h30 (de Brasília) de um domingo, 1º de outubro. No dia anterior, o Grêmio visita o Fortaleza no Castelão às 16h.

O Palmeiras, entretanto, volta agora suas atenções para a Copa Libertadores. Na próxima quinta-feira (28), às 21h30, os comandados do técnico português vão até a Argentina para encarar o Boca Juniors na Bombonera, pelo duelo de ida das semifinais.

O jogo — Os primeiros 10 minutos foram de ampla superioridade do Grêmio. O time da casa criava com contundência e colocava o Palmeiras ‘na roda’, com muitas ações no último terço do campo.

O resultado de tal postura apareceu aos nove minutos: Villasanti acionou Luis Suárez e o craque triangulou com João Pedro, que passava pelo corredor esquerdo. O lateral pisou na área e chutou cruzado, sem chance para Weverton: ‘lei do ex’ e 1 a 0.

Com o placar aberto, o Verdão começou a lentamente entrar para o jogo. Criando mais, o time de Abel Ferreira assustou Gabriel Grando quando, aos 22 minutos, Endrick cabeceou com perigo após cobrança de escanteio de Raphael Veiga.

Sete minutos depois, nova grande chance do Alviverde. Gabriel Menino tocou para Mayke dentro da área e o lateral fez o corta-luz. A bola sobrou para Endrick, mas o atacante demorou para dominar e finalizar. O chute, mascado, deu rebote para Veiga, que chegou dividindo com Gabriel Grando e parou em boa defesa do arqueiro gremista.

A etapa final foi mais ‘lá e cá’. O time da casa, com duas mudanças — Ferreira e Everton Galdino no lugar de Nathan e Cristaldo —, saiu um pouco mais para jogo. Ao mesmo tempo, precisando correr atrás do resultado, o Alviverde passou a correr mais riscos.

Suárez e Everton Galdino assustaram Weverton, enquanto Gabriel Menino e Endrick arriscaram de longe e, igualmente, passaram perto da meta defendida por Gabriel Grando.

Aos 40 minutos, Villasanti tomou o segundo cartão amarelo e foi expulso. Na reta final de confronto, a pressão foi toda do Palmeiras — Gustavo Gómez chegou a acertar o travessão nos acréscimos, em cabeceio.

Gazeta Esportiva (foto: assessoria)